Vendas no Natal podem crescer até 10% no estado e movimentar cerca de R$ 6 bilhões no comércio gaúcho

18 de dezembro de 2023
150 Visualizações

Projeção otimista da FCDL-RS é apoiada por melhora dos indicadores econômicos do país e do RS

 

 

As vendas do comércio gaúcho no Natal 2023 devem aumentar entre 9% e 10% na comparação com o mesmo período de 2022. A expectativa da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul – FCDL-RS é de que a data deve movimentar algo em torno de R$ 6 bilhões, registrando o maior crescimento desde 2019, portanto antes da pandemia.

 

 

Principal data comemorativa do comércio o Natal representa uma grande oportunidade para os lojistas impulsionarem a comercialização de produtos. Contribuem para essa perspectiva positiva fatores como o pagamento do 13o salário para funcionários públicos e de empresas privadas, a redução da taxa SELIC, que viabiliza crédito mais barato, a queda dos índices inflacionários e o crescimento do mercado formal de trabalho.

 

– Vemos que esses fatores são importantes para o incremento das vendas no Natal. Mais pessoas empregadas viabilizam maior geração de renda e ampliação do poder de consumo. A redução das taxas de juros também favorece muitos segmentos do comércio, bem como o recuo da taxa de câmbio, uma vez que muitos produtos ofertados pelos lojistas na data são dolarizados e a nossa moeda estando mais fortalecida em relação ao dólar ajuda a reduzir preços. Produtos como aparelhos de TV, computadores e smartphones estão com preços bastante competitivos na comparação com o Natal de 2022 – avalia o presidente da FCDL-RS, Vitor Augusto Koch.

 

O dirigente salienta, ainda, que o ticket médio na compra dos presentes neste Natal será significativo, ficando dos R$ 265,00. Os artigos mais procurados devem ser aqueles que tradicionalmente os consumidores buscam, como roupas, calçados, acessórios, produtos de beleza e perfumaria para os adultos e brinquedos para as crianças. Hiper e supermercados também terão bom movimento, em função das celebrações familiares tanto no Natal quanto no Reveillon. O detalhe é que a maior movimentação nas lojas deve ocorrer na semana que antecede o Natal, especialmente nos dias 21, 22, 23 e 24 de dezembro.

 

– O cenário econômico atual, que poderia ser ainda melhor, nos permite acreditar em um Natal de vendas muito expressivas. Há uma parcela significativa da população que ampliou seu poder de consumo e está ávida em poder comprar artigos que até pouco tempo atrás eram apenas um sonho – enfatiza Vitor Augusto Koch.

 

A FCDL-RS reforça algumas dicas importantes para os lojistas aproveitarem a data e ampliarem suas vendas. Entre elas, uma decoração impactante e atrativa para os clientes nas lojas físicas. Como é uma data de forte apelo emocional a decoração com adornos natalinos bem chamativos ajuda a despertar o interesse do consumidor. Por exemplo, todos gostam de encontrar o Papai Noel nas lojas. Também nas redes sociais e em sites os lojistas podem utilizar itens que remetam ao período.

 

Outro aspecto interessante é buscar propiciar ao consumidor a melhor experiência de compra possível. Isso pode acontecer de diversas maneiras, desde o atendimento em horário estendido até o oferecimento de brindes. Hoje, a boa experiência do consumidor é uma das maiores responsáveis pela fidelização de clientes.

 

Promoções criativas e atraentes, evitar a demora no atendimento presencial, com a loja preparada para receber a alta demanda e a atenção às redes sociais também contribuem para bem atender o consumidor.

 

Ainda, disponibilizar opções de pagamento que se adaptem ao bolso do consumidor. Atualmente, há possibilidade de fazer pagamentos até pelo WhatsApp. Fundamental, ainda, disponibilizar as máquinas de cartão de crédito e débito e o Pix. Vale lembrar que regularizar o crédito, atualmente, é uma ação que favorece os consumidores na hora de realizarem compras a prazo.

 

Vitor Augusto Koch destaca que com a implementação e expansão do Cadastro Positivo no país, quem cumpre com seus compromissos financeiros pontualmente ganha benefícios importantes, como taxa de juros menores e até maior prazo de pagamento quando comprar parceladamente. Por isso, a FCDL-RS utiliza o Cadastro Positivo, em parceria com a Quod, disponibilizando uma análise altamente qualificada.

Últimos Posts

Além das Políticas Setoriais

Além das Políticas Setoriais

A sociedade brasileira há muito tempo discute o papel do estado na economia e, desde a Constituição Federal de 1988, a complexidade da economia e da configuração social brasileira é crescente. As carências em educação, qualificação profissional e atendimento à saúde,...

Benefícios aos associados da FCDL-RS

Benefícios aos associados da FCDL-RS

Conheça as organizações parceiras da FCDL-RS que disponibilizam aos associados da Federação diversos benefícios na utilização de seus produtos e serviços. A FCDL-RS celebrou convênio com essas empresas e instituições pensando no bem-estar, no desenvolvimento e...

Redes Sociais