FCDL-RS projeta crescimento de até 10% nas vendas do Dia das Crianças

29 de setembro de 2021
422 Visualizações

Fatores como o avanço da vacinação e a gradual retomada da economia contribuem para essa boa perspectiva

 

A Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul – FCDL-RS projeta um resultado bastante positivo para as vendas do Dia das Crianças, celebrado em 12 de outubro. A entidade acredita em um crescimento de até 10% na comparação com o mesmo período de 2020. A expectativa é que a data movimente cerca de R$ 450 milhões no varejo gaúcho.

 

O presidente da FCDL-RS, Vitor Augusto Koch, atribui essa boa expectativa ao avanço da vacinação contra a Covid-19 no Rio Grande do Sul, a consequente maior circulação de consumidores e, especialmente, pelo fator emocional que envolve a data, com os pais querendo agradar a criançada.

 

– Felizmente temos observado um cenário de lenta e gradual recuperação da economia. Como o segundo semestre costumeiramente apresenta indicadores de vendas mais positivos, esperamos que o Dia das Crianças deste 2021 seja bastante superior ao de 2020. Avaliamos que o ticket médio gasto com os presentes das crianças deve ficar na faixa de R$175,00 – ressalta Vitor Augusto Koch.

 

Para a FCDL-RS, os brinquedos devem liderar a preferência dos consumidores que buscam presentear o público infantil de 5 a 12 anos, destacando-se artigos como bonecas, carros articulados, brinquedos de montar e os tradicionais jogos. Para os adolescentes, a intenção de compra maior recai nos produtos da área tecnológica, como smartphones e drones, além de artigos de informática e vestuário.

 

Como as datas comemorativas e sazonalidades são uma arma importante do comércio para aumentar o faturamento, especialmente neste período em que os lojistas buscam recuperar as perdas que tiveram desde março de 2020, é fundamental que eles tenham foco e assertividade para realizar bons negócios nesses períodos.

 

A FCDL-RS recomenda que os varejistas se aproximem ainda mais de seus clientes no Dia das Crianças, avisando-os sobre possíveis promoções para a data, por meio das redes sociais, e-mail marketing e WhatsApp. Também é possível sugerir aos pais dicas e ideias de presentes, trazer pais e filhos para dentro da loja promovendo experiências divertidas, realizando sorteios de brindes e ofertando atendimento cordial, sempre com um sorriso no rosto.

 

Oferecer boas condições de pagamento, sugerir compras adicionais e complementares e, se possível, ter uma vitrine temática do Dia das Crianças são outros fatores para que a data seja rentável para os comerciantes.

 

Últimos Posts

QUOD lista cinco desafios do setor financeiro no combate às fraudes

QUOD lista cinco desafios do setor financeiro no combate às fraudes

Especialistas no tema elencaram os principais pontos de atenção para o mercado durante evento realizado em São Paulo   Com o objetivo de discutir os principais desafios impostos pelas fraudes ao mercado financeiro e de pagamentos, além das tendências do setor...

Redes Sociais