FCDL-RS demonstra preocupação com aumento da Selic

23 de setembro de 2021
237 Visualizações

Presidente Vitor Augusto Koch ressalta que a elevação dos juros básicos pode frear a retomada da atividade econômica

 

A elevação dos juros básicos da economia em 1 ponto percentual, anunciada pelo Copom na quarta-feira (22/09), preocupa o presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul – FCDL-RS, Vitor Augusto Koch.

 

Para o dirigente, embora a elevação se justifique como forma de tentar conter a disparada da inflação e combater a pressão sobre os preços, a medida também afeta o consumo das famílias e os investimentos futuros, com reflexos que podem impactar de forma negativa a geração de emprego e renda.

 

– A alta da Selic de 5,25% para 6,25% é preocupante na medida em que pode prejudicar a tão necessária recuperação econômica que o Brasil precisa ter. Como os índices de consumo e de emprego ainda estão abaixo dos níveis anteriores à pandemia da Covid-19 o momento não é o ideal para a adoção de medidas que comprometam ainda mais o orçamento das famílias e das empresas – destaca Vitor Augusto Koch.

 

O presidente da FCDL-RS lembra, ainda, que há poucos dias já aconteceu o aumento do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que incide sobre o crédito e que o percentual de renda das famílias comprometido com dívidas, 59,2% em maio deste ano, é muito elevado. Isso prejudica, fortemente, a atividade econômica.

 

 

Últimos Posts

Redes Sociais